"Tudo me é lícito, mas nem tudo me convém" Carta do Apóstolo Paulo aos Coríntios

"Tudo me é lícito, mas nem tudo me convém [...]". (Carta do Apóstolo Paulo aos cristãos. Coríntios 6:12) Tudo posso, tudo quero, mas eu devo? Quero, mas não posso. Até posso, se burlar a regra; mas eu devo? Segundo o filósofo Mário Sérgio Cortella, ética é o conjunto de valores e princípios que [todos] usamos para definir as três grandes questões da vida, que são: QUERO, DEVO, POSSO. Tem coisas que eu quero, mas não posso. Tem coisas que eu posso, mas não devo. Tem coisas que eu devo, mas não quero. Cortella complementa "Quando temos paz de espírito? Temos paz de espítito quando aquilo que queremos é o que podemos e é o que devemos." (Cortella, 2009). Imagem Toscana, Itália.















segunda-feira, 20 de agosto de 2012

Civilização Persa


Zoroastro ou Zaratrusta
Por Rainer Sousa

Localizados entre o golfo Pérsico e o mar Cáspio, os persas estabeleceram uma das mais expressivas civilizações da Antiguidade no território que hoje corresponde ao Irã. Por volta de 550 a.C., um príncipe chamado Ciro realizou a dominação do Reino da Média e, assim, iniciou a formação de um próspero reinado que durou cerca de vinte e cinco anos. Nesse tempo, este habilidoso imperador também conquistou o reino da Lídia, a Fenícia, a Síria, a Palestina, as regiões gregas da Ásia Menor e a Babilônia.

O processo de expansão inaugurado por Ciro foi restabelecido pela ação do imperador Dario, que dominou as planícies do rio Indo e a Trácia. Nesse momento, dada as grandes proporções assumidas pelo território persa, este mesmo imperador viabilizou a ordenação de uma geniosa reforma administrativa. Pelas mãos de Dario, os domínios persas foram divididos em satrápias, subdivisões do território a serem controladas por um sátrapa.


Império Persa

O sátrapa tinha a importante tarefa de organizar a arrecadação de impostos e contava com o auxílio de um secretário-geral e um comandante militar. Para resolver os constantes problemas oriundos da cobrança de impostos, Dario estipulou a criação de uma moeda única (dárico) e a construção de um eficiente conjunto de estradas. Por meio destas, um grupo de funcionários, conhecidos como “olhos e ouvidos do rei”, fiscalizavam o volume de arrecadação de cada satrápia.


Essas ações garantiram o desenvolvimento de uma bem articulada economia baseada no comércio entre as várias cidades englobadas pelo império persa. Ao mesmo tempo, precisamos destacar que os padrões e regulamentos estabelecidos pelo próprio Estado foram responsáveis pela manutenção de um eficiente corpo administrativo e a realização de várias obras públicas. Somente após a derrota nas Guerras Médicas é que passamos a vislumbrar a desarticulação deste vasto império.

Guerras Médicas

A vida religiosa da civilização persa atrai a curiosidade de muitas pessoas que se interessam pelos povos da Antiguidade Oriental. Seguidores dos ensinamentos do profeta Zoroastro, os persas possuem uma estrutura de pensamento religioso bastante próxima a de outras crenças, como o judaísmo e o cristianismo. Em suma, acreditam na oposição entre duas divindades (Mazda, o deus do Bem, e Arimã, o deus do Mal) e no fim dos tempos.


As manifestações artísticas persas foram visivelmente influenciadas pela esfera política. Em várias obras, monumentos e outras construções, há reproduções que homenageiam a vida e os importantes feitos dos reis. No campo arquitetônico, os palácios persas eram dotados por uma complexa gama de elementos de decoração e jardinagem. Segundo algumas pesquisas, os persas construíram alguns de seus palácios através da escavação de grandes rochas.

Acesso em 20/08/12.

28 comentários:

  1. eu gostei muito sobre a civilização persá, pois eu já estudei isso com a profºmarilia coltri. eu me pergunto como ela explica tudo isso em uma só aula
    obrigado.
    gabriel ap. israel tudela
    colégio ser sorocaba
    data:28/08/2012

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gabriel, que bom que você gostou do artigo e, melhor ainda, seu gosto pelas aulas de História. Peço que faça, agora, uma análise do que você entendeu sobre os persas. Profª Marilia Coltri.

      Excluir
  2. eu gostei principalmenta das imagens que vc colocou sao muto legais mas o texto é melhor ainda adorei prinsipalmenta a parte que fala da civilisaçao persa obrigada!!!!!
    colegio ser sorocaba
    sarah
    6ano ana maria machado!!!

    ResponderExcluir
  3. Eu gostei quando você falou do Império persa sobre o Egito e sobre os sacerdotes e os hebreus esse texto mostra tudo detalhadamente a historia o trajeto e como aconteceu ... também Achei muito legal a parte do Guerras ... Um Beijo Obrigado aprendi muito mais do que havia aprendido na sua aula marilia seu blog nos ajuda muito com seus conhecimentos obrigada por tudo
    Agatha Pellicer O. Lopes
    6 AnoAMM
    28/08
    Colégio Ser Sorocaba

    ResponderExcluir
  4. Ola eu gostei principalmente da imagens , pois são legais e bem elaboradas, adorei a parte sobre guerras , mostra sobre os hebreus e sobre os sacerdotes o trajeto foi bem legal. Adoro a forma que você descreve as coisas.

    Laura Coutinho Bernardes
    6 AnoAMM
    28/08
    Colégio Ser Sorocaba

    ResponderExcluir
  5. Eu gostei quando você explicou sobre essas coisas :
    O Egito Antigo é uma referência de três locais : o deserto, as pirâmides e o rio Nilo.Porque toda a civilização egípcia começou com a agricultura, comércio e engenharia, nas margens do rio .
    Os egípcios utilizavam a água do Nilo para ajudar na civilização e também pra acumular riquezas.
    Eu entendi que os Faraós eram os chefes dos povos teocráticos,(religião e política).
    Após os Faraós vem os Sacerdotes,que serviam os deuses .
    Os escribas que ajudaram na escrita ,por meio de sons e de símbolos.
    Os militares defendiam o Egito,os camponeses traziam a maioria das populações e os escravos na maioria das vezes eram escravizados por meio de guerras.Mas mesmo assim não era necessária para mão - de – obra, para as colheitas e para a realização de obras publicas .
    As pirâmides foram construídas pra guardar os corpos mumificados de outros Faraós e de pessoas de suas famílias.Sendo assim as principais pirâmides são : Queóps, Quéfren e Miquerinos .
    Livia Pires Bermeça ,6°ano Sérgio Klein .
    Dia :28/08/2012.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito bom trabalho, Lívia!! Apreciei suas ponderações. Profª Marilia Coltri.

      Excluir
  6. Gostei da “Civilização Persa”. Achei interessante o jeito deles e também engraçado. Eu li com a minha mãe, e as partes que eu não entendi, ela me explicou o que aconteceu no geral.
    Letícia Akemi Yoshimatsu Giardini
    6º AMM
    28/08/12

    ResponderExcluir
  7. Os persas eram localizados entre o golfo Pérsico e o mar Cáspio, os persas estabeleceram uma das mais expressivas civilizações da Antiguidade no território que hoje corresponde ao Irã.Também teve aquela expansão inaugurada por Ciro (grande rei venerado pelos persas)foi restabelecido pela ação do imperador Dario.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marilia esse texto foi escrito por Nícolas e Allison 6º Ana Maria Machado. Colégio Ser.

      NOS DESCULPE.

      Excluir
    2. Sem problemas Nícolas e Alisson; está anotadinho!! Profª Marilia Coltri.

      Excluir
  8. ludmila pereira da silva 6ano a.m.m sorocaba colégio ser.
    Marilia amei as guerras médicas muito emacionante até assisti um filme que fala sobreo civilização presa.




    obrigado...... bjs lud

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom trabalho, Ludmila. Na próxima atividade do blog gostaria que você explorasse mais o tema. Profª Marilia Coltri.

      Excluir
  9. Marília, achei interessante a “Civilização Persa”, porque A vida religiosa dessa civilização atrai a curiosidade de muitas pessoas que se interessam pelos povos da Antiguidade Oriental.
    Minha mãe também gostou muito (ela leu comigo). Ela mandou um oi!
    Ana Carolina Fagundes Christofani
    6º AMM – Colégio Ser! Sorocaba

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ACHAMOS MUITO LEGAL SEU COMENTARIO ANA CAROLINA.


      Nícolas e Allison.

      Excluir
    2. Ana, é muito bom saber que você achou o artigo interessante e que o aprender História está sendo enriquecedor. Melhor ainda, a interação com os colegas Nícolas e Alisson. O objetivop é esse mesmo meninos. Parabéns à todos!! Profª Marilia Coltri.

      Excluir
  10. Carolina Gonçalves Garcia - 6º Ano Ana Maria Machado.

    Marília eu entendi que a Civilização Persa se localizou no golfo Persico o mar Cáspio o Rei Ciro depois da dominação do reino da Média, assim iniciou a formação de um propéro reinado.
    O sátrapa ele tinha a tarefa de organização arrecadação de impostos.
    Foi isto que me chamou a atenção obriga Carolina Colégio Ser

    ResponderExcluir
  11. Marília, gostei bastante de estudar sobre a Civilização Persa. O que mais gostei dessa Civilização foi a forma que "cuidavam" das satrápias (Estados), através de satrápas, que contavam tudo ao rei sobre seu Estado.
    Um Abraço!
    Luiza Hernandes Gagliardi
    6 Ano AMM
    Colégio Ser! Sorocaba

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito interessantes suas colocações, Luiza. Parabéns! Profª Marilia Coltri.

      Excluir
  12. Giulia Buffo Pagliato29 de agosto de 2012 07:50

    Colegio Ser Sorocaba. 6 ano A.M.M Giulia Buffo Pagliato

    Ola Marilia
    Eu achei muito interessante a questão onde fala sobre o Ciro o grande pois eu acho muito mesmo legal o fato de ele ser o " o criador do imperio Persa " pois bem ou mal foi ele que expandio o territorio do imperio persa, e tambem eu aprendi coisas novas como o fato que a religião do imperio persa era parecida com o judaismo e o cristianismo e sem falar em Dario que realizou a cobrança de impostos e inventou uma moeda que ele se omenagio dando o nome de Darico e tambem as organizações em satrápias que eram comandadas pelos sátrapas que eram considerados os olhos e ouvidos dos reis.Marilia achei muito interessante o texto tambem porque ele nos ajudam a intender melhor o assunto e descobrir coisas novas.
    Obrigada!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Excelente Giulia, gostei muito das suas colocações! Bom trabalho!! Profª Marilia Coltri.

      Excluir
  13. Excelentes participações e colocações muito pertinentes dos alunos dos 6ºs anos Sérgio Klein e Ana Maria Machado, do Colégio Ser! Sorocaba!! Bom trabalho caríssimos e caríssimas!!! Profª Marilia Coltri.

    ResponderExcluir
  14. Marilia achei incrivel o modo de como Ciro conseguiu fazer com que a civilização Persa crescesse ,assim conseguindo expandir seus territórios e evoluir.
    Depois dos 25 anos de reinado de Ciro,o Imperador Dario que dominou as planícies do rio Indo e a Trácia.A partir daí os Persas passaram a se dividir em satrapias ,(ESTADO)e todas eram comandadas por somente um sátrapa.
    Os sátrapas tinham a obrigação de organizar seu território e recolher impostos mas para isso ele contava com a ajuda de um secretário-geral, um comandante militar e diversos funcionários conhecidos como "olhos e ouvidos do rei" que eram encarregados de fiscalizar a arrecadação de cada sátrapa.
    Mas os Persas praticavam somente o judaísmo e o cristianismo.Mas acreditam na oposição entre duas divindades (Mazda, o deus do Bem, e Arimã, o deus do Mal) e também acreditam no fim dos tempos.


    Mateus Pavanato Orejana
    6° Ano - Ana Maria Machado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Excelente trabalho, Matheus. Para um amante das exatas, você está se saindo muito bem em História. Realmente essa disciplina é apaixonante!!! Parabéns!! Profª Marilia Coltri.

      Excluir
  15. Daniel Rocha 8º ano Cora. C10 de setembro de 2012 10:01

    Seu blog tem um ótimo conteúdo, mas a da civilização Persa foi o qual eu mais gostei, falando sobre o grande genio imperador Ciro e de suas conquistas.
    Agora falando sobre o seu blog, você utiliza muito espaço dele com propagandas. Quem sabe tambem mudar o plano de fundo para uma imagem que pareça mais... historica! E tambem deixar a parte onde você publica em uma cor mais clara, é meio... chata.
    Bom Marilia... to vazando, FUI.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Daniel, faltou-lhe atenção no momento da orientação. Este artigo sobre os persas é conteúdo do 6º ano. O texto dos 8ºs anos é sobre "O Golpe da Maioridade". Infelizmente seu comentário não poderá ser validado. Profª Marilia Coltri.

      Excluir